Saiba mais sobre esse tipo de comércio e suas vantagens

E-commerce pode ser traduzido para “comércio eletrônico” em português. É a definição para transações comerciais realizadas num ambiente virtual.

O e-commerce se tornou um assunto comum, tanto para empresas quanto para consumidores. Ouvimos falar aqui e ali sobre compras na internet, lojas virtuais, e sobre como fazemos quase tudo online. Mas no meio disso, será que todos nós sabemos como funciona esse tipo de comércio e por que ele é relevante?

Vamos falar sobre:
• O que é e-commerce
• Modelos de e-commerce
• Estratégias e cuidados
• Vantagens

O QUE É E-COMMERCE

O termo e-commerce diz respeito à categoria do comércio em que as compras e vendas de produtos e serviços são feitas na internet. Não estamos falando apenas das transações financeiras, mas de todos os processos envolvidos na operação de compra e venda, desde o gerenciamento de estoque até o atendimento ao cliente. Ele varia de acordo com as partes envolvidas (quem está vendendo e quem está comprando), e ainda pode variar conforme a plataforma eletrônica em que está disponibilizado (smartphones, tablets, computadores). Portanto, existem modelos de e-commerce.

Facilmente associamos e-commerce à loja virtual. Já falaremos dela mas, para tirar as dúvidas, adianto que os dois termos não significam a mesma coisa, pois a loja virtual é somente um dos tipos de comércio eletrônico. Antes de considerar os modelos, precisamos saber quais são as partes envolvidas e qual é a categoria dessa relação.

1. Business to Customer (B2C)
Nesta categoria o negócio acontece entre uma empresa e um consumidor final. Em negociações B2C as empresas vendem seus produtos diretamente para seus clientes.

2. Business to Business (B2B)
No B2B ambas as partes envolvidas são empresas, fabricantes ou distribuidoras. Geralmente são produtos vendidos em larga escala, como material para escritórios, escolas, ou de limpeza.

3. Customer to Customer (C2C)
Aqui entram as negociações entre clientes, compra e venda de produtos usados, como Mercado Livre e OLX.

MODELOS DE E-COMMERCE

Os principais modelos de e-commerce são:

As Lojas virtuais, um ambiente online onde uma única empresa oferece seus produtos e serviços, via varejo ou atacado. Comum em negociações B2C, mas também pode ser utilizada por empresas com o foco B2B.

E o Marketplace, que funciona como um shopping virtual. Se trata de uma marca que permite que várias lojas vendam seus produtos no mesmo ambiente. Aqui podemos ver todos os tipos de relações, B2C, B2B, e C2C.

Vale lembrar que, independente do modelo, os produtos oferecidos por um comércio online não são necessariamente físicos. Cursos ou consultorias são exemplos de produtos não físicos que podem ser comercializados sem nenhum problema.

 

ESTRATÉGIAS E CUIDADOS

Antes de entrar no universo do e-commerce é preciso pensar em estratégias e caminhos, pois cada relação, cada canal é diferente e requer atenção.

Por exemplo, para empresas que atendem B2C criar uma loja virtual é muito interessante. Porém a empresa deve estar atenta principalmente com a descrição e imagem de seus produtos. Algumas pessoas ainda tem receio de comprar pela internet, por isso o que elas veem online tem que chamar atenção, informar, e não deixar a desejar na hora da entrega.

Já empresas focadas no B2B, que vendem em larga escala, além de se preocupar com a visualização dos produtos, devem também tomar cuidado com os prazos e tempo de entrega.

A Ebit/Nielsen – empresa especializada em e-commerce – apontou no relatório Webshoppers de 2019 algumas tendências estratégicas. Em primeiro lugar é preciso saber que produto é bom para vender online. Em seguida pensar na interface do site, ela deve ser fácil de entender e de navegar, pois os consumidores querem algo rápido e simples. Por fim, é preciso garantir um bom atendimento ao cliente, a experiência deve ser boa desde a intenção da compra até sua finalização.

VANTAGENS

O e-commerce está em ascensão. Segundo o relatório Webshoppers da Ebit/Nilsen, o faturamento do setor aumentou 12% no primeiro semestre de 2019. Outra empresa, Compre e Confie, divulgou em agosto uma pesquisa que aponta a alta de 22% nos pedidos de compras online.

Estes dados mostram que, apesar da crise econômica no país o comércio eletrônico tem apresentado bons resultados. Uma opção de investimento que pode ser explorada para aumentar a praça de uma empresa, ou dar maior visibilidade e atrair novos clientes.

Além disso, há possibilidade de economizar no e-commere, afinal não é necessário ter um espaço físico para ter uma loja virtual.

Se esse post te ajudou e te deixou mais interessado,

Clique aqui e confira como criar sua loja virtual

(11) 4742-8823 • +55 (11) 99255-2501
infodahora@infodahora.com.br

Rua Esmeraldo José de Oliveira, 14 - Vila Amorim - Suzano - SP

(11) 4742-8823
+55 (11) 98957-3877
infodahora@infodahora.com.br

Rua Esmeraldo José de Oliveira, 14 - Vila Amorim - Suzano - SP